Carolina Cunha

flica-2017-carolina-cunha

Nasceu em Salvador, Bahia, em 1974, e desde 1994 vive em São Paulo. Designer gráfica, ilustradora, artista plástica, também autora de poemas e de narrativas, destacou-se ao longo dos últimos anos pela produção nesses vários campos de atuação e por sua pesquisa e divulgação das culturas afro-brasileiras. Graduada em Comunicação pela ESPM, atualmente faz projetos gráficos de livros, além de realizar apresentações de contos da tradição oral e palestras sobre temas relacionados à diáspora africana, com ênfase no universo fon-yorubá. Seus livros Aguemon (WMF Martins Fontes|2002) e Eleguá (Edições SM|2007), foram indicados ao Prêmio Jabuti nas categorias de Melhor livro infantil (2003) e de Melhor ilustração de livro infantil (2008). Pela Edições SM, publicou também Yemanjá, Awani, Ogum Igbo Igbo, e os álbuns ilustrados: ABC Afro-brasileiro e Mestre gato e comadre onça — uma história de capoeira, os quais receberam o selo Altamente Recomendável da FNLIJ (Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil) nas categorias informativo (2009) e reconto (2012), e foram selecionados pela FNLIJ para o catálogo de Bolonha, na Bologna Children’s Book Fair (2009 e 2012), principal evento internacional dedicado à literatura infanto-juvenil. Um novo título de sua autoria, Oxóssi, é aguardado para o ano que vem.