Território Flica

As Três Irmãs do Sertão

flica-2017-as-tres-irmas-do-sertao

Que mistura é esta que junta Anton Tchecov com Luiz Gonzaga e Patativa do Assaré?

O espetáculo musicado As Três Irmãs do Sertão se inspira no texto russo Anton Tchecov, transportando a história para o sertão nordestino com músicas de Luiz Gonzaga e poesias de Patativa do Assaré. O mesmo conta a trajetória das irmãs Irina, Macha e Olga que sonham em abandonar a seca e o calor escaldante que aflige o nordeste e partir para São Paulo em busca de uma vida melhor.

Com ritmo e dinâmica apoiados em referências da cultura popular, em “As Três Irmãs do Sertão” apenas uma atriz no palco dá vida às três personagens e é acompanhada por músicos que atuam ao vivo e formam uma espécie de coro que interage entre as cenas.  O solo musical ainda conta com a voz em off de Harildo Deda, participação em vídeo de Daniel Rabelo, Alisson de Sá na iluminação, trilha ao vivo de Estevam Dantas e videografismo de João Lins. A direção musical é de Anderson Cunha e a produção é da Carambola Produções. 

Projeto

A primeira montagem do projeto “As Três Irmãs do Sertão” foi desenvolvida como atividade do Mestrado em Teatro da Escola Superior de Teatro e Cinema em Lisboa/Portugal, apresentado por Sara Galvão. Inspirada no texto moderno clássico “As Três Irmãs” de Anton Tchecov, a peça atual faz uma analogia aos sentimentos e as emoções passadas na cidade do interior da Rússia ao calor escaldante e a agonia de quem vive na seca nordestina. Para isto, juntaram-se os poemas de Patativa do Assaré e as canções de Luiz Gonzaga, que tão bem retratam a realidade do nordestino.